27 de junho de 2018

O que é Chantagem Emocional



Félix Elvas Pequeno

Sobre a chantagem emocional. No vídeo acima, o meu colega Dunker, psicólogo e psicanalista explica de uma maneira bem humorada, como ocorre a chantagem emocional. Vale apena assistir o vídeo de apenas 7 minutinhos. Abraços!

22 de junho de 2018

A frustração é fundamental para o desenvolvimento psicológico do humano

· 
                   Félix Elvas Pequeno

                  A frustração é fundamental para o desenvolvimento          psicológico do humano.
                    
             
             Apesar de parecer um sentimento decorrente de situações de fracasso, a frustração é de extrema importância para a constituição psicológica dos indivíduos. Alguns autores descrevem a frustração como necessária ao desenvolvimento infantil. Em níveis suportáveis, a falta, a carência ou a desilusão estão associadas ao desenvolvimento da capacidade de adiar gratificações, que é fundamental para a vida em sociedade. 
             Nesse sentido, evitar frustrações pode ser um dos fatores de uma formação adaptativa deficiente: uma criança muito protegida ou cujos desejos foram sempre imediatamente satisfeitos pode ter dificuldades em compreender a realidade da existência adulta, em que o desejo e a satisfação estão cada vez mais distantes e exigem cada vez mais trabalho e dedicação. Uma criança despreparada para suportar frustrações pode se transformar em um adulto que desenvolve crises emocionais por razões ínfimas ou que se sente constantemente insatisfeito. Não se pode, todavia, resumir a dificuldade adaptativa dos adultos à superproteção dos pais, já que existem outros fatores que influenciam nessa formação deficiente, como a cultura e as formas de organização da sociedade. 
                    Na sociedade em que vivemos, o prazer e a satisfação são constantemente cultuados e a frustração aparece como a pior experiência. Todos os esforços estão voltados para evitá-la. A psiquiatria se esforça para evitar as frustrações entorpecendo seus pacientes. As escolas se esforçam para satisfazer os desejos de crianças e seus pais tem dificuldades em colocar limites aos seus filhos superprotegendo-os! Nesse sentido, a inadaptação é generalizada: os adultos e crianças, incapazes de experienciar a frustração, porque foram despreparados para isso, são inundados por falsas realizações e se apegam ao conforto proporcionado artificialmente por elas. Ao meu ver, a frustração é um bem e quando suportada gera autoestima! .(Síntese e modificações feitas por Félix em 13/06/2018 de texto de Juliana Spinelli-Psicologa)

11 de junho de 2018

SOBRE AS MÁSCARAS

                 
     


                      Félix Elvas Pequeno

                     Muitas vezes, usamos máscaras acreditando que isso nos protegerá da dura realidade da vida, do sofrimento mental e das frustrações. É uma sensação falsa, pois acreditamos que podemos influenciar as pessoas e até manipulá-las. A verdade é que criamos personagens para nos escondermos de quem realmente somos. Se estamos insatisfeitos conosco ou com a vida que construímos, que tal desconstruirmos nossa maneira de pensar e começarmos a nos reinventar, fazendo novos percursos. É trabalhoso? Muito! "A rapadura é doce, mas não é mole". É fundamental "rasparmos as tintas com que nos pintaram. Desencaixotar emoções e recuperar sentidos" e sermos autênticos.
           Precisamos ter coragem e pararmos de usar máscaras nos nossos relacionamentos interpessoais. Deixarmos de ser covardes! Escutarmos mais, prestarmos atenção no que as pessoas estão falando e humildemente aprendermos com elas. Todos os dias surgem novos aprendizados e novos caminhos para escolhermos. Muitas vezes é preciso desaprender para re-aprender. É necessário sermos nós mesmos e respeitarmos os outros como eles são! As minhas máscaras estou tirando-as, dá um trabalho danado! E você com as suas máscaras, o que está fazendo? Cuidado, pois as máscaras podem grudar no seu rosto e nunca mais saírem!
(Félix, 11/06/2018). Abraços!

www.félixpequeno.com.br